Livros

Tamanho não é documento

R$9,90

Um anão apaixonado por uma giganta e vice-versa. Um amor entre diferentes sempre tem desafios, não é verdade? Mas, nessa história delicada e divertida, o anão Nanico e a giganta Nana conseguem reconhecer e aceitar suas diferenças, respeitando um ao outro e assim, vivem a sua paixão! Para isso contam…

Tantos anônimos e um ou outro com certidão

R$14,90

“O primeiro livro de Guilherme Figueira é obra de artista.

Tem forma e é profundo.

São cinquenta histórias, contadas com baixíssimo orçamento de palavras, o que faz com que cada frase que o autor escreva mereça o máximo aproveitamento.

Apesar da deliberada economia de verbos, Tantos Anônimos e Um ou Outro com Certidão não é um livro de histórias curtas.

As histórias que se contam neste livro não é só o que o autor escolheu para narrar.

Muito mais extenso é o que escolheu para não narrar e, generosamente, deixa ao leitor o prazer da reverberação.

Com astúcia de poeta, Guilherme Figueira desnuda suas criaturas em vez de descrevê-las e, ao escolher revelar certos detalhes de suas biografias ou sublinhar determinados traços de seus temperamentos, consegue apresentar personagens complexos em poucos versos, como faz um bom letrista de música.”

João Falcão

Tempo de amar

R$14,90

Um romance apaixonante que se desenrola em meados do século 19 no Rio de Janeiro e relata a vida de uma família que acredita e luta por uma sociedade mais justa.

Uma história envolvente que aborda temas como: preconceito, vingança, amor e superação.

Uma obra que transita entre dois mundos com simplicidade e harmonia.

Teoria e prática do arrivismo em contos maduros de Machado de Assis

R$19,90

Em Teoria e prática do arrivismo em contos maduros de Machado de Assis, o crítico e poeta Airton Paschoa oferece ao leitor uma bem detalhada e instigante teoria do arrivismo, para na segunda parte deste livro, demonstrar de que forma essa prática atravessa certas personagens napoleônicas de importantes contos de Machado de Assis.

Com linguagem acessível, serve aos interessados na obra de Machado e a todos aqueles que buscam compreender as formas de sociabilidade e limites de classe da sociedade brasileira.

Terapia sexual – A vida com mais prazer

R$14,90

A busca por prazer faz parte da natureza humana. Todas as nossas ações são de alguma forma para suprir essa necessidade. O prazer não é ruim para nossa vida, pelo contrário, é essencial para compensar os infortúnios do cotidiano.

Buscamos prazer no trabalho, música, convívio com familiares, amigos, comida, atividade física, sexo, ou seja, em todas as áreas. Uma pessoa que tem prazer na vida vivencia sua sexualidade com mais leveza e entrega.

O prazer é libertador. Para se alcançar essa liberdade, precisamos pagar o preço da busca. Existem vários níveis de prazer, é como subir uma escada, alguns ficam só no primeiro degrau, satisfazendo apenas os prazeres primitivos, muitos são escravizados por ele. Quando essa busca é só pela matéria, o prazer se torna vício.

Escrito para as mulheres, este livro irá trazer uma forma prática e eficiente de ter no parceiro o amante que sempre se quis por meio da resolução dos conflitos pessoais e no relacionamento. Cada capítulo trará um case de atendimento, ferramentas e tarefas que farão as leitoras pensarem e as levará a terem uma nova postura perante seu parceiro.

Terra do nunca

R$4,90

Da magia da infância para o olhar ensimesmado da vida adulta: uma narrativa sobre imaginação e redenção, de um dos grandes contistas da nova geração. Sérgio Tavares, cujo livro de estreia, Cavala (2010), venceu o Prêmio SESC de Literatura em 2009 na categoria Contos, é autor também de Queda da própria altura.

Formas Breves é um selo digital dedicado ao gênero conto. Seu único princípio é a qualidade. Com traduções diretas e exclusivas de grandes clássicos do conto universal ou com narrativas da nova geração de escritores em língua portuguesa, Formas breves é um ancoradouro desta galáxia chamada conto.

Térreo

R$11,90

O octogenário Alceu Vianna Rodrigues passeia por suas lembranças amorosas, subindo e descendo, ininterruptamente, num elevador comercial sempre lotado, de onde se recusa a sair. Numa linguagem arrojada, em que recordações são entrecortadas por vozes de diferentes interlocutores, a autora promove um percurso original e surpreendente.

“Em seu livro de estreia, Izilda Bichara traz para nossa literatura um espaço pouco utilizado em contos e romances: o elevador. É verdade que esse meio de transporte tão banal, tão vertical, tem aparecido com certa frequência no cinema e na tevê. Mas não da maneira original como Izilda maquinou. No cinema e na tevê o elevador só vira protagonista quando quebra ou para por falta de energia elétrica, aprisionando as pessoas contra a sua vontade. Nesta breve ficção de Izilda — podem ficar sossegados, os leitores cardíacos — o elevador não quebra nunca. Seria óbvio demais. A tensão entre os enclausurados pega fogo de outro modo.

Na cadência das polias e das engrenagens, as lembranças do doutor Alceu vão ladeira acima, ladeira abaixo. É tão estranha e pungente a persistência do velho advogado, que logo começamos a simpatizar com ele. A torcer por ele. A sussurrar em seu ouvido:

— Não desce, não, Alceu.”

(trecho do prefácio de Luiz Bras)

The book is on the tablet

R$14,90

“Em ‘Dezembros’, crônica sobre como era o Natal de sua infância, Alberto Villas conta que tudo começava quando seu pai descia do sótão com vários caixotes cheios de coisas: personagens do presépio, bolas de árvore, enfeites variados e discos de vinil com canções natalinas. Os objetos vinham forrados com páginas de jornais velhos, trazendo notícias de um ano atrás, que eram lidas sempre com diversão, apesar de empoeiradas no caso, tanto as páginas quanto as notícias.As crônicas de Alberto Villas, originalmente publicadas no site da Carta Capital e agora reunidas neste e-book com o nome sugestivo de The book is on the tablet, poderiam ser imaginadas assim: páginas amareladas de um jornal, espécie de catálogo com o nome dos mortos. Isso porque Villas escreve não sobre a última novidade ou a polêmica da semana, e sim a respeito daquilo que está prestes a desaparecer ou já desapareceu, como a banana Split das Lojas Americanas e o refrigerante Crush que, salvo engano, ninguém com menos de 30 anos conhece. O charme de suas crônicas, em grande parte, está nesta espécie de anacronismo. E o nosso prazer, como leitores, poderia também ser comparado ao daquelas crianças que, ao desempacotar os enfeites de Natal, se divertem com as notícias de um ano atrás.”Trecho do prefácio, por Victor da Rosa.

Til

R$9,90

Publicado originalmente entre 1871 e 1872 em formato folhetim, o romance Til é ambientado em uma fazendo do interior paulista. Repleto de encontros e desencontros, a história se desenvolve entre quatro personagens: Berta, Linda, Miguel e Afonso. Casos amorosos e lirismo a todo instante revelam a trama social da época. Esta edição do romance Til inclui glossário com mais de 1.200 termos.

A coleção CLÁSSICOS DA LITERATURA deseja tornar disponíveis obras representativas das literaturas de língua portuguesa. Leitores interessados, professores e estudantes encontrarão aqui textos cuidadosamente estabelecidos acompanhados de rico aparato crítico. Recurso essencial para a sala de aula …

Tinderellas: O amor na era digital

R$24,90

“Os aplicativos para celular ganham cada vez mais espaço. Não são poucos os namoros e casamentos iniciados a partir dessa tecnologia. Nos Estados Unidos, um terço das pessoas que se casaram nos últimos anos encontrou seu par em aplicativos, que vão além do simples match: criam uma intimidade cheia de informações antes do primeiro beijo!

A transformação radical na dinâmica do comportamento humano causada pela revolução tecnológica é quase imperceptível em nosso plano consciente e representa o início de uma nova era na história dos relacionamentos. Tinderellas: o amor na era digital, de Lígia Baruch de Figueiredo e Rosane Mantilla de Souza, traz um imprescindível registro da evolução dos relacionamentos amorosos.” – Regina Navarro Lins, psicanalista e escritora.

tinderelas na tv

[foogallery id=”8104″]

 

Tiviu: Passarinho amigo

R$7,90

Pessoas gostam de ouvir o canto dos passarinhos, mas não entendem o que eles dizem. Passarinhos não gostam muito de ouvir a voz de pessoas, nem mesmo quando elas cantam. Têm medo delas, porque já sofreram muita maldade em suas mãos, principalmente serem presas em gaiolas ou em viveiros. Se elas pudessem

Todas as mulheres em mim

R$9,90

“Todas as mulheres em mim”, de Celia Musilli, foi publicado originalmente, em 2010, pela Atrito Arte e Editora Kan, dentro do projeto Tríade. Nele, a autora assume múltiplas vozes abordando temas como o desejo, o amor, a ousadia de viver e se aventurar, com pausas de reflexão sobre a solidão e a morte.

Todas as mulheres em mimm” é um recorte humano a partir do feminino em que a escrita assume um papel confidencial de um diálogo interno que transborda para os leitores. O livro traça um roteiro de impressões dividido em três partes: Paisagens Interiores; Paisagens Exteriores e Outras Paisagens. Intimista, dá voz à Ana, Joana, Alice e outras personagens fictícias que funcionam como alter ego da autora.

O leitor desavisado é cooptado pela voz de suas personagens fictícias e levado para um passeio surrealista, num reino algo mágico, algo fantástico, para ser desbravado ali, dentro do seu livro.

Tombos

R$25,00

Quatro personagens, dois homens e duas mulheres, têm suas vidas inteiramente modificadas a partir de crises pessoais.

Helena é uma dona de casa, bonita e mimada que acreditou no casamento eterno. É obrigada a rever sua vida ao descobrir que o marido é homossexual e tem um relacionamento de muitos anos com outro homem.

Douglas é um fazendeiro, hoje rico, que nasceu numa favela, e…

Tonico bom de bola

R$9,90

Um garoto do nosso interior paulista tem um sonho e luta por ele. Quer ser jogador de futebol, conhecer o Pelé, a cidade grande e o Museu do Futebol.

A mensagem que traz sobre a realidade destrutiva do uso de drogas e o destino cruel que sofre seu usuário, o alcoolismo, a necessidade do estudo para fugir da mediocridade, faz deste livro não apenas uma história divertida e de simples entretenimento, mas induz o leitor a interagir e desenvolver sua própria criatividade; seus conceitos a respeito de muitas situações do dia a dia.

Retrata, ainda, a vida amorosa de Tonico, sempre apaixonado por alguma garota até conhecer Maria Clara, a menina boa de bola. O namoro se desenrola num clima de ciúmes, ansiedade pela vivência do amor. Algumas vezes, Tonico deixa o lado machista falar mais alto gerando conflitos. A paixão ingênua dos dois, às vezes narrada com humor, gera nos amigos a famosa “dor de cotovelo”.

As peripécias, fantasias e realidades vividas pelos personagens são aqui descritas com muita sensibilidade, salientando a necessidade do desenvolvimento dos valores intelectuais, sociais e morais para a perfeita integração do ser humano no mundo em que vivemos.

Trabalhar no SUS

R$29,90

Muito se discute sobre o SUS, e sobre “Trabalhar no SUS”? Esta obra busca responder tal indagação, abordando a gestão do trabalho, regida pela Reforma Neoliberal, enfatizando as repercussões psicossociais deste “trabalhar”. Para além deste cenário, assume-se postura propositiva, mediante política de proteção à saúde de quem trabalha no SUS. A precariedade do trabalho exige superação para além dos Planos de Carreira e, quanto às repercussões, elas “falam” pelos dados, relatos de servidores e pela passividade ou enfrentamento. Na proposta da Política de Saúde do Trabalhador da Saúde, o SUS é visto como espaço para sua implantação, envolvendo órgãos como Centro de Referência em Saúde do Trabalhador, Vigilância em Saúde, articulados aos conselhos de saúde, perícia médico-previdenciária, em ação intersetorial, que supere a fragmentação que hoje caracteriza a ação dessas instâncias.